BrasilCidadesEventosNotíciasSão PauloSaúde

São Paulo cancela Réveillon na Avenida Paulista devido à pandemia

1.03Kleituras

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou hoje o cancelamento do Réveillon na Avenida Paulista devido à pandemia de covid-19. “Hoje anunciamos que também não teremos Réveillon na Paulista nesta virada de ano. Tanto a Prefeitura quanto governo entendem como muito temerário organizarmos um evento para 1 milhão de pessoas para dezembro deste ano”, afirmou Bruno Covas em entrevista coletiva concedida no Palácio dos Bandeirantes.

De acordo com o prefeito, o evento requer uma organização de pelo menos três meses e envolve uma série de fatores. “É um evento que requer a organização de pelo menos três meses, envolve patrocínio, agenda de artistas, pacotes promocionais de hoteis, turismo. Queremos aqui com a maior previsibilidade possível dizer que a Prefeitura também não vai organizar o Réveillon da Paulista”, disse. Coordenador do Centro de Contingência de São Paulo, Paulo Menezes, acredita que a decisão ajudará a salvar vidas na capital paulista. “Não é momento para pensar nisso. O Centro de Contingência fica mais tranquilo. Vamos evitar muitas mortes dessa forma, salvando vidas”, afirmou.

--- Publicidade ---

Bruno Covas também disse que a Virada Cultural, um dos principais eventos da cidade, será totalmente on-line. O político tucano também afirmou que segue em contato com os organizadores da Parada LGBT e da Marcha para Jesus, que foram adiados para novembro. “Seguimos conversando com organizadores de dois outros grandes eventos, que são a Parada LGBT e a Marcha para Jesus, que deveriam ter acontecido, mas foram adiados para novembro. Seguimos conversando e, assim que tivermos uma posição, vamos divulgar.

 

Fonte: UOL

Comentários no Facebook