BrasilCaieirasCajamarCidadesDestaqueFrancisco MoratoFranco da RochaNotíciasSaúde

Francisco Morato e Franco da Rocha possuem casos de varíola dos macacos, diz secretaria estadual de saúde.

315leituras

A Secretária de Saúde do Estado de SP, informou nessa semana , que os municípios de Francisco Morato e Franco da Rocha possuem casos confirmados da varíola dos macacos, cada cidade apresenta um caso, exceto Cajamar com três casos.

Caieiras e Mairiporã não tiveram casos confirmados da doença até o momento.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado de SP, todos estão se recuperando bem, e são acompanhados pela vigilância sanitária de seus respectivos municípios.

O estado de São Paulo registrou 741 casos da varíola dos macacos até a última quarta-feira. Quarenta e duas cidades tiveram ao menos um episódio, mas cerca de 82% dos pacientes (614) foram confirmados na capital. Já em São Bernardo do Campo são 15 casos.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) decretou no último sábado (23) que a varíola dos macacos é uma emergência sanitária global, com mais de 16 mil casos confirmados em 75 países.

A doença começa com febre, fadiga, dor de cabeça, dores musculares, ou seja, sintomas inespecíficos e semelhantes a um resfriado ou gripe.

Em geral, de a 1 a 5 dias após o início da febre, aparecem lesões na pele, que são chamadas de exantema ou rash cutâneo (manchas vermelhas). Essas lesões aparecem inicialmente na face, espalhando para outras partes do corpo. Elas vêm acompanhadas de coceira e aumento dos gânglios

Vale ressaltar que uma pessoa é contagiosa até que todas as cascas caiam —as casquinhas contêm material viral infeccioso— e que a pele esteja completamente cicatrizada.

Para se previnir da doença, evitar contato íntimo ou sexual com pessoas que tenham machucados na pele, higienização das mãos com água, sabão e uso do álcool em gel. Não compartilhar roupas de cama, toalhas, talheres, copos e objetos pessoais. Usar máscaras, protegendo contra gotículas e saliva.