BrasilCaieirasCidadesDestaqueNotíciasPoliciaSão Paulo

Criminosos que invadiam condomínios e obrigavam vítimas a fazer PIX são presos em Caieiras

Em uma das ações, bandidos roubaram R$ 1 milhão em jóias e relógios importados

Três criminosos que atuavam nos condomínios estão foragidos
169leituras

Quatro pessoas foram presas em uma operação da Polícia Civil na madrugada desta terça-feira (31) em Caieiras, na Grande São Paulo. Eles são acusados de invadir condomínios, render moradores e fazer transações por meio do PIX com o celular das vítimas. Três criminosos estão foragidos.

A primeira parada foi um conjunto habitacional em Caieiras, na Grande São Paulo, onde estavam escondidos Elaine Aparecida dos Santos, de 56 anos, e o filho dela, Vitor Bonavita, de 29.

--- Publicidade ---

O outro endereço foi a casa de Leonardo Lopes Lima, e os policiais tiveram dificuldade para achá-lo. Além dos três, mais uma pessoa foi presa também por roubo, extorsão qualificada e associação criminosa.

Imagens obtidas pela reportagem mostram os criminosos não foragidos deixando um prédio em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo. Um homem de chapéu leva uma mochila nas costas, cheia de jóias e relógios importados, avaliados em quase R$ 1 milhão.

No apartamento atacado, os bandidos amarraram as vítimas, agrediram e, antes de fugir, fizeram transferências via PIX por meio do celular do dono do imóvel.