BrasilCidadesDestaqueEconomiaGeralNotíciasPolitica

Com valor reduzido, Bolsonaro confirma retorno do auxílio emergencial a partir de março

De acordo com o anúncio do presidente, a proposta no momento é de quatro parcelas de R$ 250.

1.19Kleituras

Nesta quinta-feira (25), o presidente Jair Bolsonaro afirmou durante uma live que o auxílio emergencial deve voltar a ser pago a partir de março. De acordo com a proposta do governo, serão quatro parcelas de R$ 250.

“A princípio, o que deve ser feito? A partir de março, por quatro meses, R$ 250 de auxílio emergencial. Então é isso que está sendo disponibilizado, está sendo conversado, em especial com presidentes da Câmara [Arthur Lira (PP-AL)] e do Senado [Rodrigo Pacheco (DEM-MG)], porque a gente tem certeza de que, se nós acertarmos, vai ser em conjunto”, disse o presidente.

--- Publicidade ---

Segundo a Agência Brasil, a expectativa de Bolsonaro é que, depois dos quatro meses de extensão do benefício, seja possível melhorar a situação econômica do país. “Nossa capacidade de endividamento está, acredito, no limite. Mais quatro meses pra ver se a economia pega de vez, pega pra valer”, afirmou o presidente durante a transmissão ao vivo.

No entanto, a renovação do auxílio emergencial ainda precisa passar pelo Congresso Nacional e pelos parlamentares para entrar em vigor.

De acordo com apuração do UOL, esse novo valor deve beneficiar até 40 milhões de pessoas, entre março e junho de 2021. Além disso, uma MP (Medida Provisória) deve apresentar os critérios para o pagamento das novas parcelas.