BrasilCajamarCidadesDestaqueNotíciasSão PauloSaúde

Bombeiro civil de 36 anos morre por Covid-19 em Cajamar

Amigos e familiares lamentaram a morte do bombeiro nas redes sociais.

1.22Kleituras

O bombeiro Civil Rogério dos Santos Greghi, de 36 anos, é mais uma vítima da Covid-19 em Cajamar.

Rogério tinha boa saúde e não possuía nenhuma doença pré-existente, segundo familiares. Ele já tinha atuado Corpo de Bombeiros Voluntários de Cajamar e, atualmente, trabalhava no Centro de Distribuição da Casas Bahia, na Via Anhanguera, em Jundiaí.

--- Publicidade ---
Morador do bairro Ponunduva, de Cajamar, os primeiros sintomas do novo coronavírus começaram no dia 25 de junho. Rogério precisou ser internado e 10 dias depois, em 5 de julho, foi entubado devido à uma piora considerável.

Amigos e familiares lamentaram a morte do bombeiro nas redes sociais.

“Acordar com uma notícia dessa, não dá para acreditar senhor amado. Rogério Dos Santos Greghi, primo quantas e quantas vezes paramos para conversar e hoje receber essa notícia, menino novo, lutador, guerreiro. Foi guerreiro até o fim mas Deus te chamou para lutar ao lado dele, descanse em paz”, escreveu a prima, Michele Vaz Martins.

A cunhada o descreveu como uma pessoa de coração enorme, cheio de vida e alegre.

“Vai deixar muita muita saudade”, escreveu nas redes sociais.

Seguindo o protocolo, o corpo não foi velado. Rogério foi sepultado no cemitério de Cajamar, onde recebeu uma homenagem dos companheiros de profissão.