BrasilCidadesDestaqueFrancisco MoratoNotíciasPoliticaSem categoria

Francisco Morato, ganhará restaurante popular Bom Prato

4.98Kleituras

Na manhã de hoje, a prefeita de Francisco Morato Renata Sene, recebeu das mãos do governador Márcio França o termo de parceria para a autorização de instalação do programa Bom Prato em Francisco Morato.De acordo com a prefeita, a primeira solicitação para trazer o Bom Prato para Morato aconteceu com o então governador Geraldo Alckmin, no dia 3 de janeiro de 2017, que foi reforçada em nova agenda com Alckmin em 5 de setembro de 2017, e hoje (27/12), a solicitação foi atendida.Haverá agora uma segunda etapa, que é a autorização da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social (SEDS) em relação ao espaço que será utilizado para a implantação do Bom Prato.

No dia 03/10, o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Gilberto Nascimento Jr, visitou o município de Francisco Morato, na grande São Paulo, e fez uma vistoria em dois locais que poderão sediar o primeiro restaurante popular Bom Prato da cidade.
As visitas aconteceram na Avenida Prefeito Cassiano Gonçalves Passos (esq. com a Rua Manoel Valadoin – Centro), às 13hs, e na Avenida Belém da Serra, 1.118, às 14hs.Segundo o secretário Gilberto Nascimento Jr, é prioridade do Governo de São Paulo garantir a segurança alimentar da população. “Essa unidade do Bom Prato em Francisco Morato proporcionará às pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social uma alimentação balanceada e de qualidade, a preço acessível”, ressalta.Para ele, o sucesso do Bom Prato se explica pelo preço e pela rígida fiscalização na qualidade dos alimentos e nos serviços prestados ao público.

A Grande São Paulo conta com nove restaurantes Bom Prato: Carapicuíba, Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Osasco, Santo André, Suzano e Taboão da Serra. Na região, há previsão de inauguração de novas unidades também em Jandira, Itapevi e São Bernardo do Campo.

Sobre o Bom Prato

Criado há 17 anos, a rede de restaurantes populares oferta alimentação balanceada e de qualidade (almoço e café da manhã) com foco na população de baixa renda, idosos e pessoas em situação de vulnerabilidade social.

No Estado de São Paulo, o Bom Prato é coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e atende diariamente cerca de 90 mil refeições. Desde a inauguração em 2000, já serviu mais de 205 milhões de refeições e investiu mais de R$ 578 milhões.

Há 54 unidades em funcionamento, sendo 22 localizadas na Capital, nove na Grande São Paulo, seis no litoral e 17 no interior. O almoço tem custo de R$ 1,00, com alimentação balanceada de 1.200 calorias.

O café da manhã oferecido inclui leite com café, achocolatado ou iogurte, pão com margarina, requeijão ou frios e uma fruta da estação. A refeição, de 400 calorias em média, custa R$ 0,50.