CidadesDestaqueFrancisco Morato

Série de incêndios em prédios públicos vem assustando a população de Francisco Morato

566leituras

No mês de fevereiro uma serie de incêndios suspeitos vem ocorrendo em prédios públicos da cidade de Francisco Morato.

O mês de fevereiro acabou com uma série de incêndios que ocorreram em prédios públicos em Francisco Morato, já foram três locais que foram atingidos por incêndios suspeitos. O primeiro deles foi o antigo prédio da prefeitura em Francisco Morato que agora funciona como um almoxarifado, o incêndio aconteceu na madrugada do dia 07 de fevereiro, destruindo equipamentos como computadores, impressoras, geladeiras e arquivos da gestão anterior, ninguém ficou ferido. De acordo com informações da Prefeitura de Francisco Morato houve sinais de arrombamento encontrados na janela e no portão do local. Um boletim de ocorrência foi feito e a pericia já esteve no local para investigar a situação.

Apenas três dias depois no dia 10 de fevereiro outro incêndio aconteceu em um deposito da educação no bairro Jardim São José. O fogo começou no final da tarde, onde a forte cortina de fumaça preta foi vista por grande parte da cidade, o fogo destruiu mesas e cadeiras.  O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil foram acionados e controlaram a situação, ninguém ficou ferido e as causas do incêndio ainda continuam desconhecidas.

E não para por ai, o caso de incêndio mais recente aconteceu no último domingo (26) na escola estadual Ulysses Sanches Ramires no bairro Jardim.  De acordo com informações de funcionários e moradores no entorno do lugar a escola já vem sofrendo uma série de atos de vandalismo. O fogo foi ateado durante a parte da tarde, atingindo o espaço pedagógico e a coordenadoria, destruindo livros, matérias pedagógicos, kits escolares e muitos outros objetos. O Corpo de Bombeiros conteram as chamas, ninguém ficou ferido.

Até o momento não se sabe se esses incêndios estão interligados, a Polícia Civil e a Defesa Civil investigam os casos. A perícia ainda não deu um retorno sobre as investigações. Sem maiores informações o jeito é aguardar e esperar que esses incêndios não voltem a acontecer destruindo partes do patrimônio público da nossa cidade.

[Best_Wordpress_Gallery id=”4″ gal_title=”Incendios”]