Ex-vereador do PT de Francisco Morato é condenado por morte de palmeirense

Raimundo Cesar Faustino, conhecido como Capá, foi condenado a 21 anos de prisão pelo assassinato de Gilberto Torres Pereira, em 2014.

0
2558
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Raimundo Cesar Faustino, conhecido como Capá, foi condenado a 21 anos de prisão pelo assassinato de Gilberto Torres Pereira, em 2014.

Três torcedores do Corinthians acusados pela morte do torcedor do Palmeiras Gilberto Torres Pereira, em 2014, foram condenados nesta quinta-feira a penas que variam entre 19 e 21 anos de prisão em regime fechado. Entre os condenados está Raimundo Cesar Faustino, conhecido como Capá, integrante da torcida organizada Gaviões da Fiel e que era vereador na cidade de Francisco Morato, na grande São Paulo, pelo PT.

O crime ocorreu em agosto de 2014, na estação da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) de Franco da Rocha. Gilberto Torres Pereira, que integrava uma torcida organizada do Palmeiras, foi agredido pelos integrantes da Gaviões e morreu em consequência de um traumatismo craniano.

Policiais militares testemunharam a vítima sendo golpeada com um galho de árvore pelo ex-vereador Capá. Ele terá de cumprir 20 anos de prisão em regime fechado e mais 1 ano e um mês e 15 dias em regime aberto. Após mais de 20 horas de julgamento, a Justiça concluiu que os réus cometeram “homicídio qualificado por motivo fútil com o uso de meio cruel e sem dar o direito de defesa à vítima.”

Além do ex-vereador foram condenados Leonardo Gomes dos Santos (18 anos de reclusão em regime fechado, mais um ano, um mês e 15 dias em regime aberto e o pagamento de multa em valor calculado sobre um décimo do salário mínimo por 12 dias; e Gentil Chaves Siani (16 anos de reclusão, mais um ano de prisão em regime aberto).

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Comentários no Facebook